Institucional

Inovação

Novo portal da CGU traz melhorias para aproximar cidadãos dos serviços públicos

publicado: 07/03/2019 14h42, última modificação: 07/03/2019 17h09
Site foi atualizado para se adequar à nova Identidade Digital de Governo e tornar a Administração Pública mais transparente, simples e moderna
Novo portal da CGU traz melhorias para aproximar cidadãos dos serviços públicos

Foco do novo portal é aproximar o cidadão dos serviços e atividades prestados pela CGU

A Controladoria-Geral da União (CGU) lança, nesta quinta-feira (7), o novo site do órgão. A iniciativa visa atender a nova Identidade Digital de Governo (IDG 2.0), lançada no ano passado pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (Secom), a partir das necessidades de melhorar a busca por serviços públicos federais e tornar a Administração Pública mais transparente, simples e moderna. 

O foco do novo portal é aproximar o cidadão dos serviços e atividades prestados pela CGU. Por isso, a página inicial foi reformulada para dar destaque tanto ao conteúdo noticioso quanto ao de serviços. Há entradas diretas para realização de manifestações de ouvidoria, por meio do Sistema e-Ouv; solicitações de acesso à informação, com link para o Sistema e-SIC;  leitura de relatórios de auditoria; Portal da Transparência; entre outras iniciativas.

O visual também está mais atrativo e moderno. O menu, por exemplo, agora é um botão colocado no canto superior esquerdo, logo abaixo do nome do órgão e ao lado de menus de relevância. Isso permite deixar o visual mais limpo e organizar melhor a estrutura do site. Além disso, a notícia principal do portal é exibida em formato cheio, o que dá maior destaque ao assunto.

O portal aprimora, ainda, a integração com as redes sociais (Facebook, Twitter e Youtube) e traz inovações de módulos de carrossel, texto de citações e vídeos. O objetivo é modernizar e tornar mais eficiente a comunicação com a sociedade em ambiente digitais. Por fim, o novo site também atende ao pilar da acessibilidade, ao considerar as possíveis limitações tecnológicas, sociais e de capacidade dos usuários.

registrado em: , ,