Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2018 > 12 > CGU e PF combatem desvios na área da saúde em Juazeiro do Norte (CE)

Auditoria e Fiscalização

CGU e PF combatem desvios na área da saúde em Juazeiro do Norte (CE)

Ações Investigativas

Operação Graham Bell visa desarticular atuação de grupo criminoso investigado por desvio de recursos públicos para financiar campanha eleitoral
publicado: 20/12/2018 09h39 última modificação: 20/12/2018 10h02
Operação Graham Bell é resultado de análises em material apreendido na Operação Voto Livre

Operação Graham Bell é resultado de análises em material apreendido na Operação Voto Livre

O Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU) e a Polícia Federal (PF) deflagram, nesta quinta-feira (20), a Operação Graham Bell, no Ceará. O trabalho objetiva desarticular organização criminosa, de pessoas físicas e empresas, responsável por desvios de recursos federais da saúde para financiar campanha eleitoral no município de Juazeiro do Norte (CE).

A investigação apura a atuação do filho do atual prefeito do município no grupo criminoso. A Operação Graham Bell é resultado de análises em material apreendido na Operação Voto Livre, deflagrada no último dia 6 de outubro pela Polícia Federal, no Ceará, contra a compra de votos e utilização indevida da máquina pública.

Conforme as investigações, o desvio de recursos públicos se concretizava mediante pagamentos a empresas contratadas pela Prefeitura de Juazeiro do Norte. Também é matéria de apuração o possível uso de pessoas interpostas em quadro societário de diversas empresas que possuem contratos com a prefeitura ou de empresas que possuem contratos outras empresas subcontratadas, numa triangulação nas relações comerciais.

A operação Graham Bell cumpre 15 mandados de busca e apreensão nos municípios cearenses de Barbalha, Crato, Fortaleza, Juazeiro do Norte e Viçosa. O trabalho conta com a participação de oito auditores da CGU, além de policiais federais.