Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2018 > 06 > CGU apresenta inovações e melhorias do novo Portal da Transparência

Transparência Pública

CGU apresenta inovações e melhorias do novo Portal da Transparência

Tecnologia

Evento de lançamento acontecerá no dia 28 de junho em Brasília. Mudanças focam na integração entre consultas, ferramenta de busca, visualização em gráficos, usabilidade e linguagem cidadã
publicado: 19/06/2018 11h08 última modificação: 19/06/2018 11h17
Evento apresentará as principais inovações e melhorias que facilitam a navegação, interatividade e disponibilização das informações para monitoramento dos gastos públicos do Governo Federal

Evento apresentará as principais inovações e melhorias que facilitam a navegação, interatividade e disponibilização das informações para monitoramento dos gastos públicos do Governo Federal

Um dos principais instrumentos de controle social do país será aprimorado. O Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU) realiza, no dia 28 de junho, em Brasília (DF), evento de lançamento do novo Portal da Transparência do Governo Federal. A cerimônia de abertura, a partir das 9h, contará com a presença de autoridades nacionais e internacionais, no auditório do Conselho Federal da OAB. A iniciativa é aberta a todos os interessados, limitada à capacidade de 250 vagas do auditório. 

Inscrições e programação 

O evento apresentará as principais inovações e melhorias que facilitam a navegação, interatividade e disponibilização das informações para monitoramento dos gastos públicos do Governo Federal. As mudanças focam na integração entre as consultas e diversas bases de dados, ferramenta de busca, visualização e comparação em gráficos, melhor usabilidade e linguagem cidadã. A nova versão permitirá de forma flexível, intuitiva, acessível e rápida, buscar informações sobre receitas, despesas diretas, transferências a estados e municípios, licitações e contratos, convênios, punições a empresas, entre outros. 

Outro destaque da programação é o debate “Perspectivas Internacionais sobre Transparência”, que reunirá representantes do Brasil, da África do Sul, da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), além das organizações Global Initiative for Fiscal Transparency (GIFT), International Budget Partnership (IBP). Após a abertura, serão promovidas oficinas (workshops) presenciais com organizações da sociedade civil, representantes de países e organismos internacionais, e jornalistas para demonstrar, na prática, as novas funcionalidades, nos dias 28 e 29 de junho. 

O Portal da Transparência, mantido pelo Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU), auxilia a boa e correta aplicação dos recursos federais. O objetivo é aumentar a transparência da gestão, permitindo que o cidadão acompanhe diariamente como o dinheiro público está sendo utilizado e ajude a fiscalizar. 

Reestruturação 

Quanto mais bem informada, melhores condições a sociedade tem para exercer o controle dos recursos públicos e participar dos processos decisórios governamentais. A reestruturação do site busca torná-lo um canal ainda mais eficiente na divulgação proativa e espontânea de dados sobre as receitas e despesas do Governo Federal; melhorar sua usabilidade, adequando-o aos princípios de dados abertos; e torná-lo mais interativo e acessível, com navegação rápida e intuitiva aos cidadãos brasileiros. O novo Portal da Transparência vai priorizar: 

- Integração dos dados: permitirá acessar dados de diferentes bases governamentais a partir de novas. Por exemplo, ao escolher um ministério, o usuário poderá visualizar - numa única página – gastos diretos, pessoal, principais fornecedores e muito mais. O conteúdo das antigas Páginas de Transparência será acessado diretamente do Portal, facilitando o acesso a licitações, contratos, diárias e passagens, etc.

- Linguagem cidadã: informações serão disponibilizadas no formato popularmente conhecido para as ações e programas de governo, utilizando também a visualização gráfica para facilitar o entendimento dos dados. Além disso, a CGU investiu em ferramentas interativas para rapidamente tirar dúvidas ou explicar termos orçamentários.

- Melhor usabilidade: com um layout mais intuitivo e responsivo, o novo Portal será melhor acessado a partir de celulares e tablets, oferecendo uma poderosa ferramenta de busca, e permitindo navegar por tabelas interativas que agregam dados e geram seus próprios gráficos.
- Mais interatividade: integração com redes sociais, geração de QR Codes, ferramentas de notificação do usuário em caso de atualizações e até a possibilidade de notificar empresas suspeitas de irregularidades.
- Dados abertos: as mesmas APIs usadas para alimentar o Portal estarão disponíveis para que a sociedade crie suas próprias ferramentas e aplicativos, além dos dados em tabelas para quem quer fazer estudos e análises. 

Consultas 

O Portal da Transparência é o mais abrangente banco de dados disponível à população sobre a aplicação dos recursos públicos do Governo Federal, ao oferecer num único ambiente consultas como: transferências de recursos; execução orçamentária e financeira; receitas e convênios; informações sobre mais de um milhão de servidores (civis e militares); imóveis funcionais; consultas temáticas (Bolsa Família, diárias, Cartão de Pagamento, transparência nos Estados e Municípios); Cadastro de Entidades Privadas Sem Fins Lucrativos Impedidas (Cepim); Cadastro Nacional de Empresas Inidôneas e Suspensas (Ceis); entre outros. Também é possível ao cidadão realizar cadastro da mala direta para receber, por e-mail, informações sobre liberações de recursos para convênios de um determinado município. 

O Portal tem registrado recordes de acessos desde a criação, em novembro de 2004. Somente no ano passado, foram mais de 21,3 milhões de visitas. A média mensal de acessos nos últimos anos é de mais de 1,8 milhão. Acesse as estatísticas 

Premiações 

O Portal da Transparência se consolidou como referência mundial pela quantidade e qualidade de informações apresentadas em transparência ativa, conquistando importantes prêmios e reconhecimentos nacionais e internacionais. 

Já foi eleito pela ONU como uma das cinco melhores práticas de gestão pública mundial, com o Prêmio UNODC de Prevenção e Combate à Corrupção (2008), além de outras premiações como: Prêmio e-Gov na categoria e-Serviços Públicos (2009); 11º Prêmio CONIP de Excelência em Inovação na Gestão Pública (2008); (2008); 12º Concurso Inovação na Gestão Pública (2008); II Prêmio Nacional de Desburocratização Eletrônica Sistema FIRJAN/FGV Projetos (2007); e Prêmio TI & Governo promovido pela empresa Plano Editorial (2007). 

Serviço 

Lançamento - Novo Portal da Transparência do Governo Federal

  • Data: 28 de junho 2018
  • Horário: 8h30 às 12h30
  • Local: Sede do Conselho Federal da OAB (SAUS Quadra 5, Lote 1, Bloco M), Brasília-DF