INSS paga R$ 35 bilhões/ano a beneficiários com inconsistências cadastrais, aponta CGU

por ASCOM última modificação 30/05/2018 16h17
CGU verificou situações no CNIS em que o mesmo NIT estava relacionado indevidamente a mais de uma pessoa
registrado em: auditoria, inss, cgu