Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2015 > 06 > Mato Grosso adere ao Brasil Transparente nesta sexta-feira (26)

Transparência Pública

Mato Grosso adere ao Brasil Transparente nesta sexta-feira (26)

Parceria

Governo do Estado também adotará o programa "Um por todos e todos por um! Pela ética e cidadania", nas escolas públicas
publicado: 26/06/2015 10h51 última modificação: 29/06/2015 12h05
Exibir carrossel de imagens Crédito: Lucas Ninno/GCOM-MT Parceria visa o avanço da transparência no Estado. CGU já avaliou 13 cidades mato-grossenses no primeiro semestre

Parceria visa o avanço da transparência no Estado. CGU já avaliou 13 cidades mato-grossenses no primeiro semestre

O ministro-chefe da Controladoria-Geral da União (CGU), Valdir Simão, e a Secretária de Transparência, Patrícia Audi, participaram, nesta sexta-feira (26), da cerimônia de adesão do governo de Mato Grosso aos programas Brasil Transparente e Um por todos e todos por um! Pela ética e cidadania. A cerimônia foi realizada no Palácio dos Paiaguás, às 9 horas da manhã.

Com a assinatura do governador Pedro Taques ao Brasil Transparente, o estado passa a contar com o auxílio da CGU na implementação da Lei de Acesso à Informação (LAI) e na adoção de medidas de governo aberto.  A adesão permitirá o avanço do estado no conceito de transparência de informações. O Mato Grosso ocupa a 17ª posição no ranking nacional de transparência, de acordo com a metodologia da Escala Brasil Transparente (EBT), lançada pela Controladoria no primeiro semestre de 2015, para avaliar o grau de cumprimento às normas da Lei 12.527/11.

O Poder Executivo de 13 cidades mato-grossenses (9% do total de municípios) já passou pela avaliação de transparência da EBT no primeiro semestre de 2015. A capital, Cuiabá, teve nota 5,28, e quatro cidades tiveram nota zero.  A nota do estado (6,39) foi resultado da avaliação do índice de transparência do Poder Executivo estadual e não sofreu influência dos resultados dos municípios.

O segundo ponto a ser acordado entre o governo de Mato Grosso e a CGU na cerimônia desta sexta-feira (adesão ao Um por todos!) resultará no engajamento de escolas públicas do Estado ao projeto pedagógico da CGU que utiliza os personagens da Turma da Mônica para levar valores ligados à participação social, à democracia, ao respeito à diversidade e à responsabilidade pelo bem-estar coletivo.

O programa também oferece aos alunos a oportunidade de conhecer e trabalhar, em atividades de classe ou em família, os conceitos de cidadania, democracia, interesse público, inclusão social, participação e autoestima.