Notícias

AGU ajuíza ações na Paraíba com base em relatórios da CGU

publicado: 01/10/2009 00h00, última modificação: 01/05/2014 23h06

Fiscalizações feitas pela Controladoria-Geral da União (CGU) na Paraíba serviram de base para a Advocacia-Geral da União (AGU) ajuizar ações contra sete ex-prefeitos do estado, duas empresas particulares e um funcionário público. Segundo o procurador chefe da União na Paraíba, Dario Fernandes, as ações foram ajuizadas durante a II Semana de Combate à Corrupção, que começou na última segunda-feira (28) e se encerra amanhã. Os nomes dos prefeitos não foram divulgados.

As fiscalizações da Controladoria que geraram as ações da AGU concluíram que as irregularidades constatadas provocaram prejuízos de R$ 2,4 milhões ao erário. Segundo Fernandes, a AGU tem atuado ativamente na defesa da União em juízo, nas ações em que a União é ré, e passou a buscar os direitos da União em ações de ressarcimento ao erário ou em quaisquer outras que envolvam o patrimônio público.

 

Assessoria de Comunicação Social